Poupar é uma atitude – Amar sem preço

Há duas semanas apareceu á nossa porta um cachorrinho abandonado. Era lindo, meigo, claramente perdido e a precisar de Amor, cuidado e comidinha da boa pois estava  mesmo magrinho…

Costumo passar numa zona comercial onde há uma loja de animais e, como sempre, estava cheia! Os «atores principais» são os cachorros que estão à venda. No entanto todos os dias, animais aparecem abandonados, muitos deles cachorros indefesos que nem sequer têm como se defender nas ruas quando é essa a sua pouca sorte.

Tinha que escrever sobre isto e lembrar que:

  • Que podemos ter um animal de estimação sem o comprar – Poupança;
  • Que um coração amoroso vive mais anos saudável – Poupança;
  • Que ter um animal de estimação promove:
    • o exercício físico – Poupança;
    • a boa disposição – Poupança;
    • a socialização – Poupança;
    • o bem-estar emocional de crianças e adultos – Poupança;
    • Companhia – Poupança…

…e tudo isto sem etiqueta de preço agarrada.

Existem inúmeras Associações que acolhem animais abandonados: A PUCA é uma das que se debate com dificuldades pois dá mais ajuda do que aquela que recebe e tudo porque o coração da Lídia Gama é maior do que a sua carteira.

E todos podemos ajudar de forma tão simples! Começando por não abandonar, tratando bem os nossos animais e, sempre que queremos um novo membro para a família lembrar que existem sítios como A PUCA onde os patudos abundam e anseiam por uma família que os acolha.

Cheios de Amor, carinho e brincadeiras para oferecer, oferecer literalmente, porque não precisa pagar por eles.

Afinal Poupar é mesmo uma Atitude e AMAR (sem preço) também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *